segunda-feira, 13 de outubro de 2008

ÂNCORA

Tânia Espírito Santo 08

Atirei-te palavras que nunca pensei dizer a ninguém, palavras que conto nunca ouvir.

Falei com a razão pois é ela que me defende e prende o coração.

Se o deixasse solto ...não posso!!!... ele corria atrás de ti .
Cobria a tua maldade com um manto de afecto e tomava como certa a tua mentira.
Com a razão disse : Deixa-me!!
Com o coração diria : Volta !! ... Não posso !!

1 comentário:

noelia pimenta disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.