terça-feira, 9 de setembro de 2008

LIMIAR

Tânia Espírito Santo 2008
Nasceu um mim um novo sentimento nunca antes sentido.
Alimenta-se de vivências, momentos e recordações.
Queima como o fogo e é intenso como o amor.
Pela primeira vez sinto raiva e não sei o que fazer com ela, não sei onde arrumá-la...

2 comentários:

paulo césar disse...

Não a arrumes. Extravasa-a cá para fora... nem que seja à lei do gatilho da câmara.

cumptos.

Tânia disse...

Acho que sim ... vou transforma-la em fotos ... sempre lhe dou bom uso :)